top of page

Qual o melhor tipo de enriquecimento ambiental?


Qual é o melhor? Enriquecimento natural ou artificial?


O enriquecimento deve atender às necessidades e motivações do animal enquanto espécie e ser único.


Segundo Dawkins (2004), é importante estar atento ao que o animal quer, ao que ele não quer e ao que é bom para a sua saúde.


Partindo deste princípio, de nada adianta um enriquecimento que não estimula a exibição de comportamentos naturais, pois não atende às motivações e/ou necessidades dos animais.


O enriquecimento deve ativar a capacidade cognitiva, ser estimulante, imprevisível, desafiador...


E o recinto deve ser ambientado de acordo com o habitat do animal!


Então, tanto faz o enriquecimento ser natural ou artificial, pois o importante é estimular a exibição de comportamentos naturais, normais e adaptativos.


E, claro, proporcionar melhores níveis de bem-estar através de um ambiente funcional, interativo e complexo para estabelecer conexão entre pessoas e animais, informar e envolver.


Para isto, basta criatividade, bom senso e comunicação efetiva!